Ciclic

Precisa mesmo fazer uma compra? Como pechinchar e economizar?

Confira algumas dicas para economizar na hora de comprar itens essenciais e que não podem ser deixados para depois

Qualquer texto que você leia e que contenha dicas sobre como poupar mais dinheiro certamente terá entre as indicações o conselho para que você gaste menos que ganha. Entretanto, ainda que você corte os itens supérfluos, não há como fugir da aquisição de alguns itens – e como economizar nas compras passa a ser uma dúvida fundamental.

Resistir à tentação de preços muito baixos é mais difícil do que parece. As lojas sabem muito bem que esse é um ponto fraco do consumidor e sempre nos deixam com aquele gostinho de quero mais. Existe alguma maneira de escapar dessa armadilha? Sim, existe.

Nesse artigo vamos abordar alguns conselhos para que você possa fazer compras mais conscientes, adquirindo itens não apenas com preços mais baixos, mas que supram as suas necessidades. O primeiro passo para economizar é entender a relação entre o que você quer e o que as lojas podem oferecer.

Pesquise sempre

Essa dica talvez seja a mais óbvia de todas, mas muitas pessoas se deixam levar pelos impulsos e acabam colocando a pesquisa de lado. Comparar os preços de um item em várias lojas é fundamental para que você tenha uma noção geral de qual é o preço médio de um produto.

É somente assim que você descobre se aquele desconto tentador de 50% é uma oferta real. É comum que as lojas apelem para esse artifício para conquistar os clientes menos atentos.

Pesquise, se possível, o histórico de preços durante um determinado período: você verá que, em muitas ocasiões, mesmo com “desconto” o produto ainda está caro.

Use a internet a seu favor

Outra dica importante de como economizar nas compras é usar a internet a seu favor. Mesmo que você esteja em uma loja física, não deixe de checar o valor online dos produtos.

como economizar nas compras cartão de crédito

Em muitas ocasiões, mesmo com o frete incluso, é normal encontrar preços mais baixos do que o praticado nas lojas.

Complementando o conselho da nossa primeira dica, que é a de pesquisar sempre, navegue por sites comparadores de preço e visite o maior número de sites confiáveis que puder. Você verá que o seu celular vai se mostrar um companheiro e tanto nessas horas, gerando uma economia considerável. Veja também, cinco erros comuns no uso do cartão de crédito!

Como economizar nas compras à vista

Quando falamos de bens de consumo, muitas vezes é a vontade de tê-lo por perto que fala mais alto do que a real necessidade. Em razão disso, fazemos compras a prazo por não ter em mãos o dinheiro suficiente para realizar todo o pagamento de uma só vez.

O problema é que as compras a prazo escondem um vilão que pode fazer com que você pague mais do que o dobro do valor de um produto: os juros. Eles nada mais são do que um “aluguel” pela confiança do lojista em antecipar o produto para você antes que o pagamento seja concluído.

A dica é poupar para comprar à vista. Quando você tem o valor total em mãos, além de não pagar juros sobre os produtos, ainda tem a oportunidade de pechinchar um desconto com os vendedores. É comum conseguir pelo menos 5% de abate do valor total nas lojas físicas. Confira como organizar a sua vida financeira!

Determine uma meta e um prazo

Vamos usar um exemplo para tornar as coisas mais claras. Suponha que você deseja comprar uma geladeira e depois de pesquisar um pouco você chegou à conclusão que o preço médio dela é de R$ 2 mil. Esse é o preço médio, portanto, o preço normal, sem descontos.

Para fazer um bom negócio, você precisa definir algumas margens de negociação. Um desconto de 10% sobre esse valor, por exemplo, seria bem interessante, mas um desconto de 20% é o ideal. Assim, tente negociar com os vendedores para que o preço se adeque às margens que você definiu.

É importante também definir um prazo: por exemplo, sua pesquisa vai durar 10 dias e ao final você comprará o produto com a loja que oferecer o melhor negócio. Quando você está seguro sobre a sua compra, as chances de que você faça um bom negócio aumentam.

Importante: não estabeleça metas improváveis. Se o preço médio da geladeira é de R$ 2 mil, é pouco provável que você a encontre por R$ 1 mil em alguma loja. Seja realista, todos os produtos têm um valor de mercado e o preço final pode variar, mas dificilmente eles custarão a metade.

Ainda não é o suficiente? Veja 06 hábitos que podem ser revistos para economizar!

Compre apenas o que for necessário

Sempre que você se deparar com um produto em oferta e bater aquela vontade louca de sair comprando apenas “porque está barato”, tente se lembrar dessas três perguntas:

– Eu preciso desse item?

– Eu posso comprar ele à vista sem que comprometa o meu orçamento?

– Eu já pesquisei em outras lojas e ele está custando pelo menos 30% a menos do que em outros lugares?

compras com o cartão de crédito

Se a resposta for “sim” para as três perguntas, compre sem medo. Se a resposta for “não” para alguma delas, então é sinal que você precisa repensar a sua compra por alguns dias até amadurecer melhor a ideia.

É bem provável que você esteja diante de um produto cujo uso não seja tão essencial assim. Por isso, esperar um pouco mais vai dar a você a possibilidade de encontrá-lo com um melhor preço ou, ainda, será possível poupar o valor a ponto de permitir a compra do item em questão à vista.

O segredo de como economizar nas compras é simples: nunca compre nada por impulso e sem pesquisar bastante. Fazendo isso, as suas compras equivocadas tendem a diminuir consideravelmente!

Conhece mais alguma dica valiosa? Compartilhe sua experiência nos comentários e aproveite para conhecer os planos de previdência privada da Ciclic!

Deixe seu melhor e-mail para receber nossos conteúdos