Ciclic

Black friday ou Black fraude? Confira nossas dicas para não ser enganado!

Com tantas promoções disponíveis, é preciso prestar muita atenção para economizar dinheiro de verdade e não cair em péssimos negócios

A Black Friday, uma grande data comercial importada dos Estados Unidos, chegou no Brasil há alguns anos. No começo, os consumidores brasileiros ficaram empolgados com a possibilidade de comprar produtos com grandes descontos, mas logo perceberam que não é bem assim.

A expectativa é que os produtos e serviços mais em conta em novembro – mês que antecede o Natal e coincide com o recebimento da primeira parcela do décimo terceiro salário – sejam uma grande oportunidade para comprar, presentear, adquirir algo que você deseja muito ou fazer um investimento.

Porém, infelizmente, a Black Friday acabou ficando conhecida como Black Fraude. Comerciantes, principalmente aqueles com lojas online, oferecem descontos nada vantajosos para os seus clientes.

Assim, o barato acaba saindo caro.

Com o passar dos anos, o consumidor ficou mais exigente, mas isso não quer dizer que o número de promoções fraudulentas caiu.

Embora o brasileiro esteja mais acostumado com a Black Friday e com o comércio virtual, ainda é preciso tomar muito cuidado para não cair em golpes na hora de fazer compras nessa data.

Por isso, preparamos 5 dicas para que quem quer aproveitar os bons descontos da Black Friday sem preocupação.

Acompanhe os preços antes da promoção

Se você já tem em mente que produtos gostaria de adquirir, monitore os preços em diversas lojas nos meses anteriores a promoção. Sites de compras online oferecem ferramentas para que você veja a variação do custo de um produto.

Assim, você saberá se aquele produto realmente está mais barato ou se o desconto é o famoso “metade do dobro”.

Além disso, preparar uma lista de produtos desejados antes da Black Friday é uma boa opção para não acabar comprando itens por impulso ou que não são tão urgentes assim e podem ser deixados para outro momento.

Desconfie dos preços baixos demais.

Por exemplo, é improvável que uma TV de R$3000,00 vá ser vendido por menos de R$1000 durante esse período.

Caso você se depare com algum desconto como esse, verifique o preço com lojas concorrentes e pesquise se há algum motivo que justifique esse valor, como o lançamento de um novo modelo – que pode acabar sendo mais interessante para você.

black fraude

Veja mais – Economia doméstica: 05 armadilhas que te impedem de guardar dinheiro!

Utilize sites confiáveis

Em menos de cinco minutos é possível montar um site de comércio online.

Por isso, qualquer um pode criar uma página para publicar descontos fraudulentos durante a época da promoção.

Geralmente, os sites fraudulentos disponibilizam produtos com preços absurdamente baixos, e isso pode ajudar a identificar sua baixa confiabilidade.

Engana-se quem pensa que apenas sites desconhecidos são fake.  

Como os consumidores brasileiros estão cada vez mais atentos para fraudes no comércio online, os golpistas estão utilizando mecanismos cada vez mais sofisticados.

Alguns sites de grandes lojas de comércio físico e virtual já sofreram com episódios de clonagem e hackers durante os dias de descontos.

Antes de realizar qualquer compra, cheque o site e acompanhe as notícias na internet, pois elas alertam para os sites fraudulentos identificado pelos órgãos de fiscalização do comércio em todo o país.

Veja também – Décimo terceiro antecipado: Qual o melhor destino para esse dinheiro?

Black Fraude na taxa de entrega

Para compensar os descontos oferecidos nos produtos, muitas vezes as lojas online sobem as taxas de entrega e, dependendo do caso, o tempo da entrega também aumenta.

O frete que custaria R$ 20 e seria entregue em cinco dias úteis pode chegar a R$ 40 e mais dez dias úteis.

Assim, o produto acaba saindo pelo mesmo preço ou mais caro do que nos períodos fora da promoção. E ainda demora mais para chegar, o que, dependendo da sua urgência, pode acabar não compensando a compra.

Fique de olho nas letras pequenas

Para não perder os descontos da Black Friday, muitos consumidores têm pressa para comprar os produtos. Nesse caso, vale a máxima: a pressa é inimiga da perfeição.

É preciso ler cuidadosamente todas as informações disponibilizadas pela loja para não ter dor de cabeça depois de fechar o negócio.

Preste muita atenção nas descrições do produto que você deseja adquirir.

Imagens “meramente ilustrativas” são colocadas nos sites para que o cliente visualize o produto instalado ou sendo utilizado. Os consumidores desatentos podem achar que estão adquirindo produtos idênticos aos das fotos, mas na verdade, o item é bem mais simples.

Para evitar uma decepção quando o produto for entregue, leia a descrição disponível e reflita se aquilo é realmente o que você gostaria de comprar. Não desperdice o seu dinheiro!

Leia com cuidado também a política de trocas da empresa.

De acordo com o Procon, no caso de compras feitas pela internet, o consumidor pode solicitar a troca ou o cancelamento de um produto, sem ter que apresentar justificativa, até 7 dias após o recebimento.

black fraude

Não deixe de ver – Como investir na previdência privada? 05 mitos que todo mundo acredita.

Guarde comprovantes

Se você escolheu adquirir um produto em uma loja online durante as promoções, guarde todos os comprovantes da compra. E-mails de confirmação, imagens do site na hora da compra e nota fiscal podem ser provas valiosas caso você sofra algum tipo de golpe.

Nas lojas físicas, aplicar golpes como os que acontecem nas lojas online é mais difícil. No entanto, é bom tomar os mesmos tipos de cuidado.

Caso o estabelecimento seja pego praticando descontos fraudulentos, você terá como comprovar que foi uma vítima, o que facilita a devolução do dinheiro ou eventuais processos judiciais.

Agora que você já sabe tudo sobre como evitar golpes e não cair na Black Fraude, utilize o dinheiro economizado com os descontos para abrir o seu plano de previdência privada na Ciclic. Em pouco tempo você terá muito mais para gastar!

Deixe seu melhor e-mail para receber nossos conteúdos