Ciclic

6 dicas para economizar e viajar para uma Copa do Mundo!

O sonho de acompanhar o mundial em outro país pode ser realizado com planejamento e disciplina. Quanto antes você começar a se programar, melhor

Que apaixonado por futebol não sonha assistir a uma Copa do Mundo presencialmente? Embora viajar para outro país e acompanhar os jogos de grandes seleções pareça uma realidade distante para muita gente, é possível chegar lá com dedicação, disciplina, planejamento e muita disposição para poupar.

Esse é o caso do paulistano Henrique Chan, que irá comemorar seu aniversário de 30 anos na Copa do Mundo da Rússia. Ele e mais quatro amigos começaram a pensar na ideia com mais de um ano de antecedência. Agora, com as passagens aéreas em mãos, é só esperar a data de embarque – e continuar poupando.

A gente começou a fazer estimativas e pesquisas de orçamento há um bom tempo, para ter uma ideia de valor e nos organizarmos. Estabelecemos um budget para conseguir viajar e aproveitar os jogos ao mesmo tempo”, conta Henrique.

Henrique trabalha como consultor e planejador de finanças pessoais. Ajudou os amigos a organizarem seus orçamentos e mostrou como cada um teria de economizar para poder realizar o sonho. “Estamos fazendo esforços para guardar uma quantia mensal que nos permita trazer nosso objetivo para a realidade, dentro das possibilidades de cada um”, explica.

A seguir, confira as dicas do planejador financeiro para você conseguir fazer o mesmo. Se a Rússia estiver muito em cima da hora, que tal sonhar com o mundial no Qatar? Tempo para se planejar não falta! Confira:

1. Pesquise bem os valores, com muita antecedência

O primeiro passo é saber quanto custa viajar para o outro lado do mundo para acompanhar os jogos. A internet está repleta de informações fáceis de acessar e que dão uma ideia de quanto dinheiro será necessário para seu projeto.

Comece estabelecendo quantos dias você quer ficar. A partir daí, faça um levantamento do valor médio de passagens aéreas para esse período, hospedagem, alimentação, passeios, ingressos e deslocamento interno, já que os jogos acontecem em diferentes cidades. Ah, e não se esqueça de sempre contar com uma quantia extra, para situações eventuais e imprevisíveis que venham a acontecer.

É claro que o valor de tudo isso varia de acordo com suas expectativas e do estilo da viagem. Se você topa ficar em acomodações mais simples como albergues, por exemplo, os custos cairão bastante. Mas se o que você procura é um hotel cinco estrelas, prepare-se para desembolsar muito mais dinheiro. O mesmo vale para a alimentação.

2. Conheça seu orçamento

Agora que você já tem uma ideia de quanto sairá a viagem, é hora de entender melhor o seu orçamento pessoal. Anote sua renda líquida e todos os seus gastos mensais – e mantenha esse controle de gastos.

Para poder viajar, você precisará gastar bem menos do que ganha. Faça as contas e descubra quanto será necessário guardar mensalmente para cobrir os custos da viagem. Quanto antes você começar essa poupança, menos terá que guardar por mês, porque o valor ficará mais diluído. Por exemplo: digamos que você queira juntar R$ 15 mil reais em dois anos. Logo, precisará guardar R$ 625 todo mês. Já se você decide fazer essa mesma poupança em apenas seis meses, serão R$ 2,5 mil ao mês (sem contar a rentabilidade do período se o dinheiro estiver aplicado).

3. Corte custos

Você já sabe quanto custará a viagem e descobriu quanto precisará poupar por mês até a Copa. Agora, é hora mais desafiadora: economizar. Claro que se você já é uma pessoa econômica e que sempre faz as contas, essa tarefa será simples. 

Mas se você vive lutando contra o saldo negativo, precisará ter muita força de vontade para cortar os custos supérfluos e fazer escolhas – tudo pela realização do sonho, ou seja, do objetivo maior. Falar em economizar é fácil. O grande desafio é concretizar isso, não tenha vergonha de falar sobre dinheiro. Foco e disciplina são essenciais nessa caminhada.

4. Mude sua mentalidade

O principal esforço para poupar é a mudança de mindset, ou seja, a forma como você entende e encara seus gastos pessoais. Observe 5 hábitos financeiros que te impedem de economizar. Lembre-se de que para economizar, muitas vezes, precisa haver uma mudança grande de mentalidade e comportamento. Pense diferente!

5. Compre ingressos de estabelecimentos oficiais

Essa medida é básica para evitar sustos, frustrações e perda de dinheiro. Às vezes, na tentativa desesperada de cortar os custos da viagem, há quem recorra a vendedores não autorizados em busca de ingressos mais acessíveis. Esse é o famoso “barato que sai caro”. Não caia nessa.

6, Faça planos realistas

Isso é importantíssimo para você se manter firme no propósito de economizar. Quando se estabelece uma meta fora da sua realidade ou que exigirá demais de você, o plano precisa ser revisto. Por exemplo: não adianta estabelecer que irá poupar R$ 1 mil por mês se você ganha R$ 1,5 mil e precisa pagar uma porção de despesas mensalmente (aluguel, mercado, contas…).

Analise o que está dentro de suas possibilidades. Perceba se você tem alguma promoção ou aumento salarial a caminho ou pense em formas de conseguir uma renda extra. Se estiver com dificuldades na hora de fazer as contas, a ajuda de um profissional de planejamento financeiro faz toda a diferença.

Se prepare e aproveite a Copa do Mundo! Qual a sua opinião sobre o assunto? Comente!

Deixe seu melhor e-mail para receber nossos conteúdos