“Já fiz 5 viagens com programas de pontos”

Por Marketing Ciclic0

Viajar com Milhas. Entenda como estes programas podem te ajudar a economizar

A fidelização de clientes por meio de programas de milhas e pontos é um bom negócio tanto para as empresas quanto para os próprios consumidores.

Quando bem utilizados, esses programas podem ajudar as pessoas economizar quantias razoáveis e fazer trocas inteligentes.

O educador financeiro Ricardo Natali, autor do Lucro FC, é adepto desse tipo de programa e não abre mão de usar os pontos que acumula. "Eu uso os programas de milhas há 4 anos", diz ele.  "Gosto muito da possibilidade de acumular pontuação a partir de compras feitas com as empresas parceiras dos programas de pontos, como postos de gasolina", afirma Natali.

Ricardo Natali alerta: nunca consuma apenas para juntar pontos. É preciso que as compras realmente façam sentido para a pessoa. "Se eu preciso comprar algo, procuro se há alguma loja parceira do meu programa de pontos e compro nela. Essa é uma possibilidade muito boa para quem é organizado financeiramente", comenta.

Leia também: 5 hábitos financeiros que te impedem de economizar

Programas de pontos para viajar

"Há alguns anos, eu e minha esposa começamos a gostar de viajar. Percebi que poderíamos fazer isso com mais frequência e pagando bem mais barato se utilizássemos os programas de pontos", diz ele. "Agora, todo ano viajamos sem pagar nada pela passagem".

Fazendo as contas com cuidado e mantendo a disciplina, Natali já conseguiu milhas suficientes para conhecer Maceió, Foz do Iguaçu, Espírito Santo, França e Chile. "Conto isso para meus amigos e familiares e eles me perguntam como faço. São várias estratégias que devem ser combinadas", explica Ricardo.

Leia Mais:  O que é previdência complementar e como posso utilizar?

Táticas para dar certo

O primeiro passo, claro, é se cadastrar em um bom programa de pontos: leia as regras e fique atento aos detalhes e às empresas parceiras para escolher o melhor programa para a sua realidade.

O educador financeiro afirma que cartão de crédito que concede pontos pode ser um grande aliado nesse processo – mas desde que usado de maneira consciente e sempre pagando a fatura em dia!

"A cada compra que faço com o cartão, ganho pontos. Além disso, em certos momentos do ano, acontecem promoções que concedem 20% de pontos a mais", ensina.

E atenção: pesquise para escolher um cartão que conceda esses pontos sem cobrar anuidades muito altas! Outra dica é concentrar as compras em marcas e lojas que geram pontuação.

viajar com milhas

Leia Agora: Poupar Para a Aposentadoria: Como Adotar Agora Esse Hábito

E um detalhe: lembre-se que você deve ter um foco para usar todos esses pontos. No geral, o que mais vale a pena são mesmo as viagens, que acabam saindo bem mais baratas quando você consegue trocar sua pontuação por passagens. Mas também é possível encontrar produtos, como eletrônicos, que compensam a troca.

Por fim, sempre confira a data de expiração de suas milhas e pontos. É isso mesmo: eles podem perder a validade sem você usar. Então, planeje e fique de olho.

Se notar que não conseguirá juntar tudo o que precisa para comprar a passagem desejada, por exemplo, vale trocar os pontos obtidos por algum produto que você esteja precisando. 

"A educação financeira serve para que as pessoas realizem seus sonhos a partir de planejamento, controle e boas escolhas. Os pontos devem ser bem aproveitados", finaliza  Ricardo.

Além de todas essas dicas, você também pode optar por uma previdência privada para ajudar na sua viagem.

Veja também:  Veja 6 hábitos que podem ser revistos para economizar!

Gostou das nossas dicas? Conta pra gente como você utiliza o seu programa de pontos.

Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

veja também outros posts de economia

“Poupei para conhecer o mundo e fazer trabalho voluntário na Ásia”
Finanças pessoais / 18 de junho de 2018
“Poupei para conhecer o mundo e fazer trabalho voluntário na Ásia”
A inspiradora história de Victória Farina, 26 anos, que adora viajar e ainda ajuda instituições em alguns dos lugares por onde passa Victória Farina...
“Conquistar meu carro próprio trouxe uma sensação boa. Fiquei muito feliz”
Histórias Reais / 6 de junho de 2018
“Conquistar meu carro próprio trouxe uma sensação boa. Fiquei muito feliz”
Comprar carro novo! Conheça a história de Juliana Bacci que comprou um carro à vista após 2 anos de economia A jornalista Juliana Bacci,...
“Meu filho tem 2 anos e já poupo para os estudos dele”
Histórias Reais / 6 de junho de 2018
“Meu filho tem 2 anos e já poupo para os estudos dele”
A história de Ronaldo Nagai, que já se planeja para os gastos com escola e faculdade do filho O paulistano Ronaldo Akiyoshi Nagai, 33...

Veja algumas idéias do que você pode conquistar